AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» Comportamento.
» Comunicação
» Conselhos Úteis
» Consultas Boa Vista Serviço - SCPC
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva


VOLTAR
Últimas Notícias


Publicado em: 09/12/2020

Todos nós temos clientes que não nos trocam por vários motivos.
O que fazer com os clientes fidelizados?

Todos nós temos clientes que não nos trocam por vários motivos.
O que fazer com os clientes fidelizados?
Bem, respondo com outra pergunta: Que tal investir tempo e energia com clientes que precisam, querem e vão ficar satisfeitos com o seu produto/serviço?
O que fazer quando encontramos clientes fidelizados?

Aceitamos que eles existem, respeitamos a sua opção em optar pelo fornecedor atual, mas nos colocamos sempre à disposição como uma ótima opção.
E mantemos esses clientes potenciais quentes, enviando newsletters com dicas, informações e afins. Ele não pode esquecer que existimos. Eventualmente entre em contato, pergunte se está tudo bem!

Como diferenciar um cliente fidelizado daquele com a necessidade inativa?
O cliente fidelizado chegou no nível de lealdade é aquele que indica o seu fornecedor.

Já o cliente com a necessidade inativa é aquele que não percebe que pode ter algo melhor e que verbaliza dificuldades quando você aborda com perguntas.
Ele também pode ser aquele que sabe que tem uma dificuldade, fala sobre essa dificuldade, mas acredita que o custo da solução é maior do que o problema.

Só existe uma maneira de identificar: perguntas, perguntas e perguntas!
Fica a dica!

Por: Myrian Mourão

AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide