AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» A legislação e o empresário
» Auto-Ajuda
» Comportamento
» comunicação
» Conselhos Úteis
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Tipos de Consultas SCPC
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva





VOLTAR
Comportamento



Publicado em: 15/08/2017

Ninguém sabe mais sobre os aviões do que os comissários de bordo. São eles que ficam o voo todo à disposição dos clientes, atendendo a pedidos e verificando a qualidade do voo e do serviço. Após entrevistas com diversos membros da equipe de companhias aéreas, o Business Insider reuniu uma lista com diversas coisas que as aeromoças sabem e os passageiros comuns nem desconfiam.

Veja cinco coisas da lista:

1- É impossível abrir as portas da aeronave durante o voo, mas você pode ser expulso do avião se tentar abri-las

A aeromoça Annette Long possui 13 anos de experiência no ramo e conta que apesar de ser impossível abrir qualquer uma das portas da aeronave em pleno voo, tentar pode deixar você encrencado. Pessoas que já tentaram tal ato tiveram que retornar aos seus assentos e ficar sob observação da equipe de voo, sendo algemadas assim que o avião pousou, como aconteceu com um passageiro num voo para Sidney, na Austrália.

Em alguns casos, o avião pode até fazer um pouso de emergência para retirar o passageiro da aeronave.

2- Os aviões não são tão limpos como parecem

Microbiologistas já reportaram que as mesinhas localizadas nas poltronas do avião são os locais menos higiênicos da aeronave. Na plataforma Reddit, uma aeromoça escreveu que passageiros trocam constantemente a fralda de bebês neste apoio e que, entre os voos, nem todas são limpas como deveriam.

A aeromoça escreve ainda, que muitos incidentes anti-higiênicos ocorrem durante o voo e que poucos passageiros raramente consideram ou presenciam.

3- Você não pode beber a sua própria bebida alcoólica no avião

“Algumas pessoas compram e trazem para dentro do avião pequenas garrafas de bebidas alcoólicas. Nós sempre sabemos quem são e sempre encontramos a bebida”, diz Long. Segundo ela, é proibido que o passageiro se sirva, já que um controle é indispensável para a segurança do passageiro e da viagem.

“Nós precisamos saber o quanto você bebeu para que você não exagere na dose, já que o quanto mais alto você voa e quanto mais longa a viagem, mais o álcool afeta o seu cérebro”, completa.

4- Os comissários de bordo têm motivos para querer que você abra a sua cortina

“De acordo com o meu treinamento, as persianas das saídas de emergência precisam estar levantadas, porque os comissários de bordo precisam ter acesso às condições externas antes de abrirem as portas. Se há um incêndio, pedras ao redor da saída de emergência ou a aterrissagem acontece em uma parte mais profunda do oceano, não é seguro sair por lá, e os comissários de bordo precisam pensar em uma outra alternativa o mais rápido possível”, conta Long.

5- Abrir o escorregador de emergência custa milhares de dólares

Em 2014, um passageiro da China Eastern Airlines disse que “queria sair do avião mais rápido” e apertou o botão do ‘escorregador de emergência’ assim que a aeronave pousou no Aeroporto Internacional Sanya Phoenix. O incidente fez com que o voo atrasasse duas horas e custou US$ 16 mil em danos.

Em abril do ano passado, o caso aconteceu novamente, quando uma aeromoça apertou o mesmo botão. O ocorrido custou à companhia entre US$ 6 mil a US$ 12 mil só para colocar o dispositivo de volta em seu lugar.



notícias da mídia Notícias pesquisadas em jornais e sites.

AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide