AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» A legislação e o empresário
» Auto-Ajuda
» Comportamento
» comunicação
» Conselhos Úteis
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Tipos de Consultas SCPC
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva





VOLTAR
comunicação



Publicado em: 07/06/2016

Você conseguiria imaginar a sua vida sem um smartphone?

A maioria das pessoas responderia “não” a essa pergunta, uma vez que é cada vez mais comum o uso de aplicativos de geolocalização para descobrir a melhor rota no trânsito e de apps de mensagens instantâneas para acelerar a comunicação. No entanto, tal hábito pode estar colocando as crianças em risco.


Um pesquisa comandada pela Child Accident Prevention Trust, organização que luta pelo fim de acidentes envolvendo crianças, descobriu que a obsessão dos pais por celulares está fazendo com que eles fiquem constantemente distraídos. Isso é capaz de colocar os pequenos em perigo, uma vez que eles podem se acidentar com facilidade.

Para chegar a essa conclusão, a organização entrevistou mil pais. Ao analisar os resultados obtidos, a instituição constatou que 15% dos acidentes envolvendo crianças aconteceram porque seus pais estavam prestando atenção no celular.

Dentre os acidentes mais comuns estão atravessar a rua sem prestar atenção, beber algo quente e comer algo não recomendado para crianças.

“É preciso de apenas um segundo para que um acidente aconteça. Por isso, eu imploro aos pais que controlem o seu comportamento diante do celular”, disse Rahul Chodarhi, professor da Royal College of Paediatrics and Child Health, ao jornal The Independent.



notícias da mídia Notícias veiculadas na mídia impressa

AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide