AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» A legislação e o empresário
» Auto-Ajuda
» Comportamento
» comunicação
» Conselhos Úteis
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Tipos de Consultas SCPC
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva





VOLTAR
comunicação



Publicado em: 20/04/2016

Saber falar bem e conquistar os ouvintes não serve apenas para quem dá palestras. Uma boa oratória pode ajudar em reuniões com clientes, conversas com o chefe e até na avaliação de desempenho de um funcionário.

Izidoro Blikstein, professor de comunicações empresariais e autor de "Falar Em Público e Convencer - Técnicas e Habilidades", dá dicas de como se aprimorar.

PLANEJAMENTO
Uma boa apresentação não surge de improviso. Saiba com quem você vai falar para trazer argumentos relevantes para esse público e recursos (slides, vídeos ou até mesmo a lousa) que atraiam sua atenção

EMPATIA
Lembre-se de se conectar com o público. Faça perguntas e peça exemplos para garantir interação. Se a plateia está mais concentrada no celular do que em você, é sinal de que é hora de mudar a estratégia

ESPELHO
A melhor forma de aprimorar sua oratória é a autocrítica. Filme a si próprio falando e veja as imagens em busca de expressões corporais erradas ou gaguejos e avalie o quanto do roteiro original foi mantido

TEMPO
Por mais interessante que a apresentação seja, ninguém aguenta duas horas seguidas. Divida a conferência em duas partes de 30 a 40 minutos no máximo, com um intervalo para a plateia se recuperar


notícias da mídia Notícias veiculadas na mídia impressa

AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide