AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» A legislação e o empresário
» Auto-Ajuda
» Comportamento
» comunicação
» Conselhos Úteis
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Tipos de Consultas SCPC
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva





VOLTAR
Finanças ao seu alcance



Publicado em: 16/10/2015

A maioria das resoluções que as pessoas fazem no Ano Novo não se torna realidade. Que tal pode tomar atitudes para se tornar uma exceção a essa regra? A revista Business Insider listou algumas estratégias que vão ajudá-lo a se tornar mais rico ao longo do próximo ano.

Você não precisa colocar todas em prática, é claro, mas comprometer-se com algumas já pode fazer uma grande diferença na vida que terá daqui a um ano. O mais importante é que os objetivos que atingir neste ano formarão uma base para conquistas ainda maiores no ano que vem.

O passo mais importante, como em tudo na vida, é começar.

1. Aumente a contribuição para sua aposentadoria

Esse é provavelmente o mais fácil e menos dolorido de todos os jeitos de garantir que você será mais rico daqui a um ano. Você pode aumentar sua contribuição ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em 1%, 2%, 3%, ou quanto você se sentir confortável em pagar.

2. Comece outra poupança, desvinculada da aposentadoria

Se você já maximizou sua contribuição ao INSS, ou se o seu empregador não oferece um plano de aposentadoria, você pode começar um plano de economia desvinculado desse. Conduza da mesma forma que faria seria se fosse para o INSS, ou seja, o dinheiro será deduzido do seu pagamento, mas colocado em uma aplicação financeira da sua escolha.

Você pode direcionar o montante apenas para a conta ou investimento que escolher. Pode ser uma conta poupança, um fundo de multimercado ou outro tipo de aplicação. Isso vai permitir que você economize uma parcela de seu dinheiro de maneira automática. Não será preciso fazer praticamente nada para garantir a economia, uma vez que acioná-la.

3. Elimine três gastos fixos de suas contas

Reduzir ou eliminar gastos é um dos melhores jeitos de melhorar sua situação financeira. Escolha três saídas recorrentes de suas contas e as exclua definitivamente da planilha – e do dia a dia.

Naturalmente, precisam ser gastos não essenciais. Você pode dar uma olhada, por exemplos, nos serviços premium pelos quais paga rotineiramente, incluindo TV a cabo ou o pacote de celular. Você também pode reconsiderar um plano na academia de ginástica ou mesmo um sistema de segurança para a casa se você já mora em uma zona relativamente segura.
Eliminar gastos irá liberar parte de seu orçamento para propósitos de construção de riqueza, como economias e investimentos.

4. Deixe seu cartão de crédito em casa

Se você normalmente vai às compras com a carteira cheia de cartões de créditos, mude de estratégia. O foco agora é encontrar uma maneira de tirar os cartões de sua carteira e só colocá-los de volta em uma situação realmente emergencial.

O fato de pagar as despesas em dinheiro ou com em débito automático, coloca limites no quanto você gasta. A maioria das pessoas irá instintivamente evitar drenar suas finanças ou acompanharão o extrato constantemente para evitar surpresas no fim do mês. Já quando se usa o cartão de crédito, a tendência é gastar mais do que realmente tem.

Tente deixar seus cartões em casa quando vai ao shopping ou ao supermercado, pelo menos pelos próximos meses, e veja se isso não o ajuda a reduzir suas despesas.

5. Não assuma nenhuma nova dívida

Todo mundo que está em débito quer sair dele. Mas o primeiro passo para isso é não entrar em nenhum outro. Não será nada fácil quitar suas dívidas enquanto continua a criar novas.
Se você não consegue se comprometer com uma estratégia de pagamento de suas dívidas, simplesmente evitar novas e cumprir o pagamento mínimo mensal aos poucos o fará sair do buraco.

6. Comece a encarar a bola de neve da dívida

Muito mais poderoso do que simplesmente não entrar em novos débitos é combinar essa estratégia a um esforço focado em pagar o que já deve. Faça deste ano o ano em que finalmente você começará a encarar a bola de neve de dívidas que criou, e liquide-as de uma vez por todas.

Comece pagando sua dívida mais barata. Uma vez que fizer isso, passe para a segunda mais barata, e assim por diante. Pagar os menores valores não apenas o libera para quitar o próximo, mas também melhora seu fluxo de caixa porque os pagamentos dos menores débitos sairão do caminho. A cada dívida paga, seu fluxo de caixa melhorará um pouco, tornando mais fácil a caminhada rumo ao próximo débito.

7. Corte 10% de suas despesas básicas em cada linha

Cortar certas despesas inteiramente pode ser difícil e, em alguns casos, impossível. Uma alternativa a essa estratégia é simplesmente cortar uma média de 10% de todas as linhas de gastos. “Em média” porque algumas despesas não podem ser reduzidas, como o pagamento do aluguel, por exemplo. Mas há uma série de outras formas de economizar, incluindo: gastos com alimentação, entretenimento e até combustível, reparos e seguros podem ser, em alguns casos, reduzidos em muito mais que 10%. O corte de despesas irá liberar dinheiro para mais propósitos de construção de riquezas.

8. Guarde 10% de sua receita todo mês

Se você for bem-sucedido ao cortar suas despesas em 10%, poderá direcionar esse dinheiro para suas economias. O propósito de cortar os gastos não é entrar em uma dieta de cifras, mas liberar capital para futuro crescimento e independência financeira.

Você pode começar direcionando o dinheiro extra para uma conta poupança ou eventualmente movê-lo para um fundo multimercados ou mesmo para ações na bolsa. Cortes em seus gastos de vida podem não fazê-lo se sentir bem, mas ver as economias e investimentos crescerem certamente o farão.

9. Venda o que você não usa mais

Uma das melhores maneiras de aumentar seu dinheiro é vender tudo o que tenha e que não use mais ou não precise mais. Você pode vender esse itens por centenas ou milhares de reais. O dinheiro que está parado em forma de objetos em sua casa ficará muito melhor parado em uma conta bancária ou fundo de investimentos.

10. Viaje menos de férias neste ano

Essa não é uma ideia divertida, mas é também uma das melhores maneiras de melhorar sua situação financeira. Férias em uma praia podem facilmente custar a um casal milhares de reais – uma economia significativa.

Ninguém se torna rico sem algum sacrifício. As vantagens de não viajar de férias é que a decisão só irá impactar na semana em você iria usufruir do passeio. O resto do ano seguirá normalmente sem ser afetado pela escolha.

Fique perto de casa, diverta-se com prazeres simples da vida e isso o ajudará a recarregar as baterias da mesma forma do que as férias em algum resort em um lugar paradisíaco e distante.
Se alguma dessas estratégias o faz sentir desconfortável demais, apenas pense em como você se sentirá melhor quando estiver mais rico daqui a um ano.


mídia notícias da mídia

AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide