AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» A legislação e o empresário
» Auto-Ajuda
» Comportamento
» comunicação
» Conselhos Úteis
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Tipos de Consultas SCPC
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva





VOLTAR
Vida saudável



Publicado em: 19/08/2017

De acordo com um novo estudo da Universidade Drexel e da Universidade da Pensilvânia, ambas nos Estados Unidos, conferir o peso na balança todos os dias pode ajudar no emagrecimento, mesmo para quem não segue dietas.

Inconsciente

Pesquisas anteriores já sugeriram que o costume de pesar-se regularmente contribui para que a pessoa se mantenha na dieta. No recente estudo, entretanto, os cientistas americanos quiseram testar outra teoria: mesmo quando a pessoa não está conscientemente tentando emagrecer, o número elevado na balança a incentiva a perder peso.

O estudo

Para testar essa hipótese, os pesquisadores recrutaram 294 mulheres universitárias de medidas diversas, que responderam a questionários sobre com que frequência utilizavam a balança em casa. As porcentagens de gordura corporal foram examinadas no início da pesquisa, após seis meses e, novamente, depois de dois anos.

O índice de gordura foi determinado a partir do exame DXA, ou absorciometria com raios-X de dupla energia, teste que determina a porcentagem de músculo e gordura do corpo com uma precisão maior do que o tradicional método de IMC.

Engajamento

Os resultados mostraram que as participantes que se pesavam diariamente, apesar de não aderirem a nenhuma mudança na rotina, apresentaram uma redução maior no porcentual de gordura do que aquelas que se pesavam com menos frequência ou não se pesavam.

“As perdas no IMC e na porcentagem de gordura corporal foram modestas, mas significativas, especialmente tendo em mente que essas mulheres não faziam parte de um programa de perda de peso. Nós não esperávamos que, na ausência de uma intervenção de perda de peso, as pessoas estariam perdendo peso “, afirmou Diane Rosenbaum, coordenadora do estudo e psicóloga na Universidade da Pensilvânia.

Surpreendentemente, essas mulheres tinham as maiores taxas de IMC e gordura corporal no início do estudo. Segundo os autores, normalmente, pessoas com IMC mais baixo tendem a inconscientemente monitorar seu peso com maior frequência.

Embora o estudo não prove que pesar-se diariamente gera perda de peso, para os cientistas, a descoberta sugere que ser lembrado de seu peso de forma constante poderia ajudar a manter seus objetivos de emagrecimento em mente.

“Isso pode motivá-lo a engajar-se em comportamentos mais saudáveis. Da mesma forma, se você notar que está ganhando peso, essa informação pode motivá-lo a fazer uma mudança.”, disse Meghan Butryn, uma das autoras do estudo, ao site especializado Medical Daily .


De acordo com um artigo da Universidade Harvard, a multitarefa – como almoçar enquanto trabalha ou ver TV durante o jantar – pode fazer com que você coma mais. Uma revisão de estudos publicados no American Journal of Clinical Nutrition descobriu que as pessoas que comem distraídas tendem a consumir mais durante as refeições e ao longo do dia.


notícias da mídia Autores variados

AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide