AECambuí
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-2772
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» Comportamento.
» Comunicação
» Conselhos Úteis
» Consultas Boa Vista Serviço - SCPC
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Serviços Prestados - AECAMBUÍ
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva


Revista O Empresário / Número 177 · Abril de 2013



Caros colegas bebês: Eis a minha situação. Minha mamãe e eu estamos juntos por quase 6 meses. Os primeiros meses foram ótimos – eu chorava, ela me pegava no colo e me alimentava a qualquer hora do dia ou da noite. De uma hora para outra algo aconteceu. Ao longo das últimas semanas, ela vem tentando DNT (dormir a noite toda).

No início, eu pensei que era apenas uma fase, mas está ficando cada vez pior. Tenho conversado com outros bebês e parece que é muito comum quando completamos cerca de 5-6 meses de vida aqui fora. Mas o fato é que as mamães não precisam dormir. É apenas um hábito. Muitas delas já dormiram por cerca de 30 anos e simplesmente não precisam mais…

Eu decidi bolar um plano, que chamo de “choro aleatório”, e funciona assim:
Noite 1 – chorar a cada 3 horas até que você seja alimentado. Eu sei, é difícil. É difícil ver sua mamãe brava porque você está chorando. Nunca se esqueça que estamos fazendo isso para o bem dela.
Noite 2 – chorar a cada 2 horas até que você seja alimentado.
Noite 3 – chorar a cada hora.
A maioria das mamães vai começar a atender mais rapidamente, depois dessas três primeiras noites. Algumas mamães são mais espertas e podem resistir um pouco mais à mudança. Estas mamães podem ficar na sua porta por horas fazendo shhhh. Não desista! Nunca é demais dizer: consistência é a chave! Se você deixá-la DNT (dormir a noite toda), mesmo que por apenas uma vez, ela vai querer que isso se repita todas as noites. Lembre-se que ela realmente não precisa do sono, ela está apenas resistindo à mudança. Se você tem uma mamãe especialmente alerta, você pode parar de chorar por cerca de 10 minutos, apenas o tempo suficiente para ela voltar para a cama e começar a cair no sono. Então comece a chorar novamente. Ela pode acabar cedendo. Minha mamãe uma vez ficou acordada durante 10 horas seguidas, então eu sei que ela pode fazê-lo.

Na noite passada, eu chorei a cada hora. Você só tem que decidir o que precisa fazer e cumprir. Seja consistente! Eu chorei por qualquer razão que passasse pela minha mente:
Meu saco de dormir faz cócegas no meu pé.
O meu lençol estava muito embolado.
Meu móbile do berço fez uma sombra na parede.
Eu arrotei e senti um gosto de cereal do arroz. Eu não tinha comido cereal de arroz desde café da manhã, o que há de errado?
O cão disse “au au”. Eu deveria saber o significado. Minha mamãe me diz isso cerca de 20 vezes por dia.
Uma vez eu chorei só porque eu gostei de como soava quando ecoou no monitor do outro quarto.
Muito quente, muito frio… não importa! Continue chorando!
Eu decidi que estava cansado da cor verde do meu quarto, então eu chorei. Levou algum tempo, mas funcionou. Ela me alimentou às 4h da madrugada. Amanhã à noite, o meu objetivo é que seja às 3:30h. Aos poucos você vai diminuindo o intervalo entre as mamadas e ajustando o relógio interno da sua mamãe. Às vezes, minha mamãe vai pedir reforços e acaba enviando o papai. Não se preocupe, os papais não estão configurados para a privação de sono do jeito que as mamães estão.

Eles só podem lidar com a tentativa do shh por pouco tempo, e logo, logo decidem enviar a mamãe novamente. Além disso, fique atento aos carneirinhos do sono e aos ruídos de chuva. Eu gosto de dar falsas esperanças a mamãe, de que ouvir o barulhinho da chuva me faz dormir, quando na verdade finjo estar dormindo de olhos bem fechados até que ela, a minha mamãe, esteja se aconchegando para voltar a dormir e dar um ataque de choro surpresa. Se ela não vier rapidinho, emendo uma tosse falsa e um ruído que faço com o nariz, que ela vem correndo para o berço. Continuo otimista de que em algum momento ela vai começar a perceber que realmente não precisa dormir.
Experimente! Caso contrário, a minha mãe vai saber que eu sou o único bebê a quebrar as regras!
Com amor
Bebê
Administração & Política
» POLÍTICO ESPERTO
» NÓS MERECEMOS
» MINEIRO EXPERIENTE
» EXPERIÊNCIA
» DESÂNIMO NA EMPRESA
» PRIMEIRO MILAGRE DE LULA
Colaboradores
» CARTA QUE LINCOLN ESCREVEU AO PROFESSOR DE SEU FILHO
» TRÊS PEQUENAS HISTÓRIAS
» ROTINA QUE MATA
» VOCÊ CONCORDA?
Comportamento
» PROMESSAS MATRIMONIAIS
» O ESTRANHO EM NOSSA FAMÍLIA.
Comunicação & Internet
» CASTIGO
» ARGUMENTO DECISIVO
» SUA EMPRESA NO FACEBOOK
Empreendedorismo
» EMPRESA IDEAL PARA CAMBUÍ
» TRABALHO SEM FIM
» CRÉDITO SEM COMPLICAÇÃO
» VAI DOER NO BOLSO
» SACOLEIRA DELUXE
Finanças
» INADIMPLENTES
» EMPRÉSTIMO NO CELULAR
» CASAMENTO
» TED MAIS FÁCIL AGORA
Humor & Curiosidades
» O CRACHÁ
» É MUITA MALDADE
» SIGNIFICADO DE NOITE
» COMO VOCÊ MORREU?
» PEDIDO
» DISTRIBUIÇÃO
» HERMANOS
» ASSIM NÃO
Jurisprudência & Segurança
» GRAVIDEZ NO EXAME DEMISSIONAL
» RECEITA NOVA
» A LAGARTIXA
» RECEITA MÉDICA VÁLIDA
» HERANÇA EM VIDA
» TV PODE
Mercado de Trabalho & Educação
» NASCIMENTO DE UM LÍDER
» A FUTURA MÃO DE OBRA
» EXEMPLO
Utilidade Pública
» PLANO DIABÓLICO
» PARA PAPAIS FESTEJAREM O NASCIMENTO DOS FILHOS
Variedades
» RAPIDINHAS DO LEÔNCIO
AECambuí - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide