AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» A legislação e o empresário
» Auto-Ajuda
» Comportamento
» comunicação
» Conselhos Úteis
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Tipos de Consultas SCPC
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva


VOLTAR
Últimas Notícias


Publicado em: 27/05/2019

Os modelos de negócios mais atuais estão ganhando espaço no ecossistema do empreendedorismo, transformando cidades e criando diversas novas possibilidades na qual tem mudado o rumo da economia do país sendo uma saída para diversos problemas econômicos, dentro deste contexto surgem as startups, empresas nascentes que resolvem dores reais dos seus clientes, possuem um produto escalável e em situações de incerteza, geralmente seus produtos possuem relação com aplicativos (apps), mas isso não é regra.

Para Eric Ries, autor do livro Lean Startup, uma startup é uma instituição humana desenhada para criar um novo produto ou serviço em condições de extrema incerteza.

Muitos empreendedores estão se aventurando com seus negócios no intuito de obter sucesso e buscando investimentos, mas antes é preciso saber em qual fase a sua startup está, vejamos:

- Projeto:

Nesta fase é quando o empreendedor está no início da sua jornada, começando a conhecer seu negócio, muitas vezes a ideia já saiu do papel e foi dado início a algum protótipo, plano comercial, é o momento que está definindo seu modelo de negócio.

Não é preciso sair dessa fase para iniciar os testes com seu produto, pelo contrário, é uma característica das startups testarem o quanto antes seus produtos no mercado, assim é possível obter feedbacks de usuários reais e aprimorar constantemente, além de ter a oportunidade reparar erros no início da jornada, quando ainda não houve maiores dispêndios. É o momento de definir suas primeiras propostas de valor, encantar o cliente, mostrar o potencial daquilo que você está oferecendo.


- Operação:

Definido o planejamento estratégico inicial, sabendo qual a missão que deseja seguir é o momento de traçar quais as primeiras estratégias, quais os planos, onde se quer chegar, o ideal é que a equipe da startup seja dividida por atividades/responsabilidades, será positivo para startup que o time empreendedor seja diversificado em relação as suas competências/skills, agregando para o negócio.

Nesta fase de operação o produto ou serviço terá que testar suas hipóteses no mercado, assim será possível a criação de métricas onde poderão ser mensuradas pelos KPIs, neste momento da startup a solução já deve entregar valor e resolver a dor do mercado, tornando-se viável mercadologicamente, para um melhor desenvolvimento da empresa é esperado que se cresça rapidamente ganhando força de mercado.


- Tração:

É o momento de se crescer! E quanto mais rápido melhor, crescer em vendas, usuários e mercado.

É o momento oportuno para se analisar bem os números das métricas trabalhadas na fase de operação, e aprimora-los inserindo novas KPIs que atendam a nova realidade do negócio e que ajudem ao empreendedor atrair olhares dos investidores, dependendo da estratégia da startup é um bom momento para se buscar parcerias e iniciar os caminhos com as “próprias pernas”.

A possibilidade de retorno para economia desta fase é enorme, pois ela se consolidará gerando novos negócios e oportunidades. Na fase de tração é necessário que os processos já estejam rodando em conformidade, assim a empresa estará cada vez mais independente e sustentável, isso impacta no seu produto/serviço e o mercado passa a procurar pela startup e não mais o contrário.


É importante salientar que entender qual o momento sua startup está e onde você quer chegar serão primordiais para o sucesso do seu negócio, não busque um produto para o seu mercado, identifique um problema real e pense na solução, não é um trabalho fácil, mas para ganhos é necessário passar por todos esses caminhos e se manter, até conseguir o tão sonhado Scale-Up!

Nota: As fases estão de acordo com a definição do SEBRAE Nacional.

(Camila Forte)
AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide