AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» A legislação e o empresário
» Auto-Ajuda
» Comportamento
» comunicação
» Conselhos Úteis
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Tipos de Consultas SCPC
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva


VOLTAR
Últimas Notícias


Publicado em: 22/03/2019

Você já certamente ouviu falar a frase - "Crise também é tempo de oportunidade"...

Essa é umas das máximas atuais, que sempre as pessoas e empresas recorrem toda a vez que as coisas começam a ir mal. Até parece aquele conforto de beijo de mãe quando nos machucamos e ela diz que vai ficar tudo bem – é uma delícia acreditar e pode ajudar muito, mas não é isso que cura o machucado.


No caso do mercado esse ditado, forma de pensar ou o que você quiser chamar é a recorrência natural de ficar numa zona de conforto, enquanto as demandas e ofertas estão caóticas. Você entende o que faz, mas não mais o que está acontecendo lá fora, e pelo jeito deixa para o destino mudar aquilo que não está conseguindo agir.
Eu sei, parece um tanto louco, infantil, estranho... Mas acontece muito mais do que imagina.


O QUE SIGINIFICA A CRISE?

As coisas pararam de se encaixar. Pode ser simples, mas no fim aquilo que a sociedade tem para comprar e o mercado tem a oferecer entraram em colapso, as coisas não estão mais em sintonia.


Obvio que estou usando um palavreado mais coloquial para explicar algo complexo, mas o foco é que as coisas não estão mais funcionando como antes. Mas será mesmo que isso vai voltar como era antigamente? Obvio que não!


O mercado vai se ajustar com novos entrantes, oportunidades, quedas, leis, desejos... Ou seja, tantas variáveis que a única certeza é que nada será como antes.


“A ÚNICA CERTEZA DO MERCADO É SUA CONSTANTE MUDANÇA”


A LÓGICA QUE NÃO SE PERCEBE NA CRISE

Agora vamos fazer um exercício de lógica muito simples que raramente as empresas se dão conta.


O que está indo bem agora, pode ser que amanhã continue indo bem. Mas, certamente um dia não irá, pois, mudanças estão ocorrendo o tempo todo.


Se o que você fez bem até agora começou a sentir o impacto da crise, algo que se desencaixou do mercado... Qual a probabilidade de continuar fazendo exatamente as mesmas coisas e se ajustar de volta a boa maré?


Na crise as mudanças ficam ainda mais drásticas, portanto é tempo de perceber as possibilidades de inovação mais adequadas e tomar boas decisões sobre elas, mais do que nunca. Quando a situação não se encaixa mais, as mesmas atitudes apenas lhe levam mais e mais ao fundo do poço.


Pergunte a Blockbuster sobre sua habilidade de fazer cada vez melhor o processo de montar lojas para locação de filmes quando as pessoas queriam olhar tudo pela web, sem se preocuparem em alugar nada.
MUDE OU MORRA – frase de alguém famoso.


MOMENTO DE OLHAR A FERIDA

Beijo de mãe é uma delícia, mas você precisa olhar o machucado de verdade e ver o que precisa fazer para sarar, esse é o jeito. A analogia dos tempos de criança cabe aqui, pois as empresas muitas vezes fecham os olhos acreditando que ao não olhar para a situação ruim vai fazê-la passar, como estar em uma marquise olhando a chuva seguir seu rumo... E claramente não é a mesma coisa.


A crise leva embora aqueles que não se adequam com a nova realidade, e normalmente são aqueles que mais se abraçaram às certezas daquilo que um dia já deu certo.


Ok, mas isso tudo significa a necessidade de uma mudança abrupta que vai mudar totalmente o meu negócio? Pode ser que sim, pode ser que não...
O grande problema é se fechar no que um dia deu certo sem analisar que isso pode ser o caminho mais rápido para afundar. Se você abraçar cada vez mais forte um barco que está indo para o fundo do mar, você apenas fica firme indo rumo ao fim... São os botes salva-vidas que lhe dão a oportunidade de continuar e isso quer dizer inovação.

O mercado sempre dá esses chacoalhões para tirar alguns e sempre abre espaço para outros crescerem. E isso sempre vai continuar acontecendo, enquanto o mercado existir... O que você precisa lembrar é:


A INOVAÇÃO É A UNICA APÓLICE DE SEGURO VERDADEIRA PARA AS EMPRESAS.


E também que:
A CRISE NÃO É APENAS OPORTUNIDADES, MAS O QUESTIONAMENTO DE GRANDE PARTE DAQUILO QUE FAZEMOS E PARA QUEM FAZEMOS.


(Bruno Perin)


AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide