AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» A legislação e o empresário
» Auto-Ajuda
» Comportamento
» comunicação
» Conselhos Úteis
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Tipos de Consultas SCPC
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva


VOLTAR
Últimas Notícias


Publicado em: 28/11/2018

Com apenas 28 anos, Raffaella Marchese é economista e fundou a CódigoKid, rede de escolas de robótica e programação em 2017. De lá para cá, a empresa conta com 30 unidades abertas pelo País e 50 em processo de inauguração. Para 2019, os planos são ainda mais promissores, e a rede estima faturar mais de R$ 20 milhões. Raffaella também dedica parte de seu tempo a estudar e estimular o empreendedorismo feminino, e assim ela me passou cinco dicas para mulheres que querem começar a empreender.

1. Organize-se:

Para empreender de forma mais tranquila, será necessário organizar algumas áreas. A vida de uma empreendedora costuma ser cheia. As atividades costumam não ter fim. Você precisa ser sua própria líder e saber onde quer chegar.

As pessoas costumam te chamar e querer respostas suas a todo instante. Se você cair nesse ciclo vicioso, perceberá que em pouco tempo pessoas estarão fazendo sua agenda, você não terá objetivos claros, os quais percorrer e em vez disso, estará sempre “apagando o fogo” das situações emergentes que trazem para você. Suas economias não terão destino pré-determinado para investimento e custo da operação e o estresse e frustração baterão em sua porta. Antes que eles cheguem, adote práticas claras de organização.

Tenha conhecimento e controle muito bem suas finanças, determine os objetivos e metas da empresa sempre pensando no custo da sua operação, bem como nos seus investimentos. E tenha os pés no chão para qualquer nova aquisição ou melhoria de sua empresa. Tenha uma agenda e planeje com antecedência todas as atividades, dividindo por prioridades e prazos.

Não caia na armadilha de deixar o dia acontecer. Algumas atividades poderão não ser cumpridas ao longo do dia, você terá clareza e reprogramará para os próximos dias. Lembre-se de dar atenção para as atividades que menos gosta e fazer no início do dia, assim evitamos nossa inimiga “procrastinação”.

2. Estude o mercado

Sinta-se segura e aja: Mulheres costumam ser mais cautelosas que os homens, procuram por terrenos mais seguros e não se aventuram tanto. Isso é uma característica que te ajudará a evitar enfiar os pés pelas mãos em diversas situações, pois permite-se pensar antes de agir, o que faz com que suas ações sejam mais assertivas e certeiras.

Por isso, não importa em que área deseja atuar, é imprescindível que estude o mercado, busque informações, converse com pessoas da área, alie-se com pessoas de interesse em comum, e imagine mais de um plano para execução, podendo sempre ter um plano B, caso o plano inicial não corra perfeitamente bem. Porém, essa característica também pode ser uma armadilha. Não passe tempo demais imaginando cenários diversos e inexistentes, o perfeccionismo é um grande inimigo nesse momento.

Quando idealizamos um projeto e desejamos o encaixe perfeito para sua realização, ele nunca sairá do papel. Nós, mulheres, queremos provar o tempo todo nossa capacidade profissional e buscamos resultados perfeitos que, num mundo de tantas adversidades, não existe. Melhor do que um trabalho perfeito é um trabalho feito. Sinta-se segura com a bagagem que já tem, tenha coragem e inicie, o aperfeiçoamento virá com a prática.


3. Autoconhecimento e Equipe:

Orgulho e humildade podem ser antídoto e veneno dependendo de suas dosagens. Os empreendimentos costumam possuir “a cara” de seu empreendedor. Então, autoconhecimento só trará riquezas para seu negócio e dia a dia.

Saiba dos seus pontos fortes e explore-os para melhores resultados e não tenha medo de valorizar-se sabendo que você os possui. Pela opressão que sofremos é comum nunca nos sentirmos boas o bastante para determinada atividade. Pare com isso! Reconheça seu valor e os coloque para jogo. Mas, jamais ignore seus pontos fracos. Identifique cada um deles e monte sua equipe de forma que supra as suas faltas.

Claro que há suas exceções, mas mulheres são menos orgulhosas e administram bem a humildade, o que é importantíssimo no momento de montar sua equipe. Procure se aprimorar em cada área, mas não perca tempo demais, nem se force em algo que não tenha muito seu perfil, aposte em alguém forte naqueles aspectos que lhe falta e juntos conquistarão novos patamares.

4. Seja uma solucionadora:

Isso lhe exigirá bastante paciência, mas garanto que aumentará significativamente o valor do seu trabalho. Quando oferecemos um produto ou serviço, nosso cliente busca em nós a solução para algo, não importa que área seja.

É extremamente motivador imaginar que pode-se ganhar dinheiro ajudando pessoas e acredite, é isso que você faz. E já que alguém procura a solução em você, não deixe jamais essa pessoa ir embora sem ter seu problema “resolvido”. E vem cá, isso nós, mulheres, temos de sobra, empatia e vontade de abraçar a causa do próximo, muitas vezes, sofrendo por problemas que não são nem nossos.

Se você tem uma equipe, saiba, essas pessoas confiam e dependem de você, seja uma solucionadora e as motive a serem suas solucionadoras de problemas também. Relacionamento com pessoas costuma ser uma das áreas de maior dificuldade dentro de qualquer empresa, porém esse é um dos grandes segredos para o seu sucesso. Como mulheres, somos muito mais sensitivas e guiadas por nossas emoções, quando usamos esse nosso lado humano a nosso favor, o negócio adquire um novo brilho.

5. Trabalhe:

Muito! Nada resiste ao trabalho, mas nada também fica de pé sem ele.

A dedicação deve ser diária. Outra característica tão comum entre nós é o esforço e dedicação. Nossos lares costumam depender totalmente dessa nossa energia incansável. Que bom poder programar isso agora no mundo corporativo. Um novo projeto/ negócio/ empreendimento é como um filho. Deseja atenção, cuidado, carinho, empenho, disposição e costuma não te dar férias! Rs

Não adianta achar que basta ter uma grande ideia e que as coisas acontecerão naturalmente, dependerá de muita ação e reinvenção sua nesse processo. Equilibre seus momentos de trabalho e lazer, claro, não prejudique sua vida pessoal, mas saiba que grande parte da sua vida será dedicada e empenhada nesse empreendimento. Assim, plante, regue e espere florescer. Somos especialistas em boas colheitas!


Ivan Primo Bornes (ivan@pastificioprimo.com.br) – empreendedor e fundador da rede de rotisserias Pastificio Primo
AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide