AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» A legislação e o empresário
» Auto-Ajuda
» Comportamento
» comunicação
» Conselhos Úteis
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Tipos de Consultas SCPC
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva


Revista O Empresário / Número 143 · Maio de 2010



ACHADINHO

Alguém deixa cair um envelope bem perto da vítima, que quase sempre é quem acaba de fazer saques em bancos. Ela o apanha e, dentro, estão documentos e cheques preenchidos. Logo chega o ‘dono’ do envelope e derrama-se em agradecimentos.

Acena com uma gratificação polpuda e, já com algum parceiro participando da conversa e da trama, consegue que a vítima deixe a bolsa com a comparsa, enquanto ele busca a tal gratificação. Na volta, sem a gorjeta, vê que os golpistas desapareceram.

GOLPE DO TOMA

Anúncios em classificados de jornal ou panfletos distribuídos na rua oferecem empréstimos sem maiores exigências, como fiança ou mesmo checagem em órgãos como SPC e Serasa. Exigem o depósito de um valor como caução ou seguro do empréstimo. A vítima, já endividada, arranja mais dinheiro para trazer o depósito e perde tudo.

VENDA DE CARRO

Uma suposta carta sorteada de consórcio é anunciada a preços abaixo de mercado ou com financiamento de longo prazo, sem juros, mediante uma entrada. Para receber o carro, basta que o interessado no ‘ótimo’ negócio faça o depósito correspondente ao valor da entrada. Ele nunca mais verá a cor do seu dinheiro ou do veículo.

FINANCIAMENTO DE VEÍCULO

A quadrilha pega os dados de um carro, forja documentos, vai a uma instituição financeira e refinancia o bem. Só quando surge algum impedimento ao veículo ou ao nome do legítimo proprietário, ele fica sabendo que fizeram uma dívida em seu nome. É um caso em que a vítima não contribui para o sucesso do golpe e, realmente, é vítima.

GOLPE DO BILHETE

É a velha conversa do bilhete premiado oferecido por um valor muito abaixo do prêmio. A vítima paga o valor aviltado e, depois, descobre que ficou apenas com um pedaço de papel na mão. É dos mais antigos, mas em plena atividade.
Administração & Política
» Consórcio, uma solução
» O país do futebol
» O líder na empresa familiar
» Gorjeta dentro da lei
» Modelo perigoso
Colaboradores
» Sabedoria chinesa
» Pura verdade
» Nem gênio dá jeito
» Você concorda
» A outra
Comportamento
» Brasileiros devem mais
» O casamento perfeito
» Aprenda a olhar
» Alguém que nunca o esquece
» Pega na mentira
Comunicação & Internet
» CPF pela internet
» Sua reputação na internet
» Como ser visto na internet
» Letra feia é problema
» Endereços da internet vão se esgotar
Empreendedorismo
» Como atender clientes irados
» Qual é a sua receita
» As boas práticas de finanças
» Futuro perigoso
» Aproveite as oportunidades
» Comprar uma franquia exige atenção
Finanças
» Juros complicam o orçamento
» Acerte o seu bolso
» IR exclusivo para lucro
» Sites úteis na hora de investir
» O leão e a bolsa
» Bandeira da Caixa pode sair em maio
» Jovens caem na armadilha da dívida
Humor & Curiosidades
» A panela e a comida saudável
» Só pode ser azar
» É melhor ficar calada
» Sem água e sem comida
» Uma loura difícil
» Que maldade
» Manobrista
» Pitoresco
» Eficiência do agente funerário
Jurisprudência & Segurança
» Advogados devem se acalmar
» Minas indeniza viúva
» Cuidado com estes golpes
» O controle dos funcionários
» O fim dos garranchos
Mercado de Trabalho & Educação
» O que o mercado quer
» Como liderar
» Programação de cursos na AEC
Rapidinhas do Leôncio
» Notas de junho
AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide