AECambuí | CDL
Associação Empresarial de Cambuí






QUEM SOMOS | SERVIÇOS | ASSOCIADOS | PROFISSIONAL AUTÔNOMO | EMERGÊNCIA CAMBUÍ | CONTATO
Ligue para AECambui » (35) 3431-3046
» Revista "O Empresário"
» Banco de Currículo
» Últimas Notícias
» A legislação e o empresário
» Auto-Ajuda
» Comportamento
» comunicação
» Conselhos Úteis
» Finanças ao seu alcance
» Jurisprudência
» Momento Empresarial
» Tipos de Consultas SCPC
» Vida saudável
» Turismo
» Fotos da Cidade
» Fotos dos Cursos
» Memória Viva





VOLTAR
Auto-Ajuda



Publicado em: 03/06/2017

Auto Análise

Analise-se primeiro. Trabalhe nas coisas que lhe atrapalham a ser mais disciplinado no momento. Podem ser problemas no seu caráter, uma inabilidade de articular o que você quer fazer da vida ou uma preferência em perder a si mesmo em estimulantes e vícios.

Talvez você se conforme muito sem pensar em si mesmo; isso pode facilitar seguir as ideias de disciplina de outra pessoa sem trabalhar na disciplina que funciona para você e satisfaz as suas próprias necessidades. Qualquer que seja a razão, tente determiná-la primeiro.

Por que você sente que não tem disciplina o suficiente agora? Que outros fatores lhe atrapalham em ser mais disciplinado?

Além de avaliar suas próprias limitações, considere como os outros impactam a sua vida. Você está agradando muito aos outros para investir tempo em si mesmo? Você está sempre cedendo aos desejos dos outros e deixando os seus de lado?


Busque convencer a si mesmo de que você quer ser disciplinado para acreditar em si mesmo. Isso é importante principalmente se você passa muito tempo só agradando os outros. Será muito mais difícil ser disciplinado se você sentir que precisa dos outros para lhe limitar ou para lhe dizer como agir e pensar ou o que fazer.

Quais vozes na sua cabeça lhe dizem que você não tem valor ou que você é um fracasso? Esses são pensamentos negativos que não tem fundamento e precisam ser removidos para dar lugar ao cuidado com si mesmo e à disciplina na sua vida. Você pode precisar de terapia ou pode ser suficiente você mesmo trabalhar nos seus próprios pensamentos negativos usando técnicas cognitivas de comportamento e de atenção ao presente.


Incorporando Mais Disciplina à Sua Vida

Escolha uma área em que você quer ter mais disciplina. Em que área você quer ser mais disciplinado? Talvez seja no trabalho, nos estudos, na limpeza, não seguir um mau hábito, etc.

Adote uma atitude positiva. Decida que você fará as mudanças necessárias e busque se manter focado nelas. Perceba que não será fácil, mas trate isso como um bom desafio, não como uma fonte de dificuldades ou privação.

Quando você decidir fazer algo, vá até o fim, não importa o que aconteça. Com frequência, haverá momentos em que um desejo preguiçoso surja e iniba o seu trabalho. Lembre-se de que essas sensações são normais, e até mesmo os mais disciplinados as sentem. A diferença deles não é que eles sejam "melhores" que você. Eles apenas têm o hábito de se desviar desses momentos antes que eles se tornem significantes.

Aceite que você é a pessoa que pode mudar a sua vida, e mais ninguém. Você não é uma criança de 3 anos que precisa de direção. Encare o dia e faça o que precisa ser feito.

Rotina normal é confortável e conhecida. Assim, ela provavelmente lhe atrairá de volta. Use ideias para se lembrar de que você está caindo nos velhos hábitos e tome a decisão de parar toda vez.

Escolha se comportar e agir com moderação. Traços do comportamento humano são influenciados por culturas, atitudes divergentes, emoções, valores diferentes e outras normas sociais no grupo ou comunidade de uma pessoa. Certifique-se de se comportar educadamente e com senso comum em todas as situações.

Aprenda o básico sobre a auto administração. Desde organizar o seu orçamento até organizar uma reunião, você precisa aprender como administrar certas coisas sozinho. Isso certamente não envolve o começo de uma companhia rica, mas simplesmente um sentido de ordem na vida. Faça mais coisas em certo tempo, e comece devagar. Por exemplo, almoce depois de 12h e jante depois das 20h.

Planeje seu trabalho. Faça uma tabela de horários e siga-a assiduamente.

Divida o trabalho em partes pequenas e alcançáveis.

Sente-se por não mais do que uma hora de cada vez. Levante-se, se estique e ande. Dê ao seu corpo e à sua mente um descanso. Você voltará a fazer qualquer tarefa renovado e fisicamente relaxado.

Mantenha-se limpo e arrumado. Isso não apenas lhe beneficiará, mas também fará você se sentir bem. A limpeza faz uma grande diferença em como você se sente emocionalmente e deixará o ambiente melhor e mais fresco para você. Há muitos artigos sobre como você pode fazer isso disponíveis nesse site e em qualquer outro lugar.

Use gestos apropriados. Comunique-se com eloquência e assertividade, e use gestos apropriados quando houver necessidade. Não grite e use intensificadores no seu discurso. Disciplina nas artes sutis da comunicação pode fazer diferença na disciplina que você exibe nas áreas mais notáveis da sua vida.

Perceba que os outros podem tentar lhe deter. Sempre haverá alguém para se beneficiar da sua falta de disciplina e quando você deixar claro que você está mudando isso, isso será uma ameaça a eles. Fique alerta às tentativas de lhe desviar do seu novo caminho e deseje continuar.

Ouça-os, seja educado, mas não ceda às táticas deles. Fique com o que você sabe que é melhor para você.

Ao aprender a fazer algo corretamente, continue fazendo. Faça suas rotinas regulares serem tão automáticas quanto o respirar.

Inclua recompensas por alcançar seus objetivos.

Dicas

Você nunca pode ser um auto disciplinador. Seja um discípulo da autodisciplina e isso será uma qualidade em você.

Autodisciplina não está para você, está em você. É uma qualidade, não uma quantidade. Pode ser levada para sua vida, não comprada.

Mantenha-se motivado se lembrando sempre dos motivos para seguir em frente.

Avisos

Tente não incomodar os outros com o que parece ser uma falta de disciplina da parte deles. Se eles falharem ao alcançar algo e se isso lhe afetar de alguma forma, tenha uma conversa gentil com eles. Se não, deixe que eles lidem com seus próprios problemas. Você não pode mudar aos outros, só a sim mesmo.

Não exagere. Sinais de Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC) podem ocorrer em pessoas que sentem a necessidade de colocar a rotina por cima do senso comum e do bem estar. Se sua rotina assusta ou irrita os outros, isso pode ser um sinal para ir devagar.

Evite o cansaço. Faça as coisas passo a passo em vez de fazer tudo de uma vez. Até mesmo as pequenas coisas podem trazer muito cansaço se forem feitas uma por cima da outra.





AECambuí | CDL - Associação Empresarial de Cambuí
Agência WebSide